Tradições Nórdicas / Mitologia Nórdica

A mitologia nórdica é conhecida como mitologia germânica, viking ou escandinava e se refere a uma religião politeísta pré-cristã, com uma série de crenças, mitos e lendas dos povos escandinavos, que preservaram as tradições nórdicas, mantidas até hoje no paganismo germânico, conhecidas como: Odinismo ou Asatru e Vanatru.

A palavra Asatru significa fé nos Deuses da raça de Esirs, que estão relacionados aos Deuses da guerra, que são: Odin, Friga, Thor, Tyr, Heindall, Loki, Baldur, Bragi, Iduna, etc.

E a palavra Vanatru significa fé nos Deuses da raça de Vanirs, que estão relacionados aos Deuses da fertilidade e são eles: Njord, Skadi, Freya, Frei, Aegir, Mimir, entre outros.

Odin-thor

Odin-thor (Photo credit: Wikipedia)

Dentro da tradição nórdica os Deuses são vistos de uma forma amigável e muito acessível, na qual são reverenciados, também, os espíritos da natureza e diversos espíritos guardiões tais como: os Dísirs (seres sobrenaturais femininos) e os Elfos.

Os princípios básicos seguidos são baseados em Nove Virtudes: coragem, verdade, honra, lealdade, hospitalidade, diligência, perseverança, disciplina e confiança. A partir destes princípios, os indivíduos podem decidir o curso de ação mais apropriado para uma determinada situação em suas famílias ou comunidades, perante os Deuses.

O Universo e tudo que nele existe está sempre evoluindo e nem mesmo os Deuses são considerados como todo-poderosos ou oniscientes, sendo assim, a perfeição não é necessária nem tão pouco esperada.

Conforme os mitos nórdicos, os Deuses organizaram o universo a partir do caos. “Não há dúvida de que antes da criação do Universo não havia lugar onde os Deuses teriam vivido ou sequer morado. E, por Universo, entenda-se não apenas o céu e a terra, mas toda a extensão de espaço que a imaginação possa conceber.” A maior fonte de pesquisa está no Prose Edda, conhecido como Eddas poética ou Edda em Prosa, uma coleção de poemas em norueguês antigo e preservados no manuscrito islandês Codex Regius, do século XIII, por Snorri Sturluson (1178 – 1241), que foi historiador, poeta e político islandês.

Enfim, pode-se dizer que a mitologia é a observação específica de uma era, civilização ou mesmo a cultura de um povo, sobre os mistérios existentes na mente humana e na sua religiosidade. Para se aprofundar nos mitos nórdicos, leia o livro: Deuses e mitos do Norte da Europa de Hilda. R. Ellis Davidson.

Por: Rowena Arnehoy Seneween ® – Fonte: http://www.templodeavalon.com/modules/mastop_publish/?tac=Tradi%E7%F5es_N%F3rdicas

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s