Arquivos

POST ESPECIAL DE NATAL! Entrevista com a banda BARBARIA!

Olá pessoal, estou com a provavelmente ultima postagem do ano, e como presente venho apresentar pra quem ainda não conhece, uma banda que tive a excelente oportunidade de conhecer em um evento. A banda de Pirate Metal é do estado de São Paulo e foram muito gentis em nos conceder uma entrevista!

Confira!!

barbaria

Como surgiu a banda?

Foi uma longa história, há muito tempo estamos na estrada e o Barbaria é uma parte disso tudo. Um dia, quem sabe, uma biografia não me permita contar como tudo aconteceu. ( Draco)  Não estou desde a fundação, mas participei de boa parte desta jornada e sei que foram muitas mudanças, o que é natural, mas tudo na Barbaria surgiu de maneira espontânea, direta e simples(Marcelo).

Há quanto tempo estão na estrada?

Não sei ao certo, vieram outras bandas antes do Barbaria; Dragonflame, Brotherhood of Wolves. Creio eu, que somando tudo isso, deve ser uns 8 a 10 anos. O Barbaria deve ter uns 4!(Draco) 

Todos os integrantes são os mesmos desde o inicio do grupo?

 Não! Foram várias formações. Eu e o Marcelo viemos do início.(Draco)

Já pagaram algum mico em algum show?

Ahhaha em um show recente, eu pisei num fio que desligou todo o equipamento do palco. Tem muita história por aí, mas que eu lembre agora é essa.(Draco) Fora quando não cospe rum pra cima e cai aquela chuva em cima da guitarra… fica uma beleza… ainda mais quando compro um encordamento novinho e sabe que vai ter que substitui-lo depois do show… Teve aquela vez em Pouso Alegre, que o Draco enroscou o cabo do microfone nos tons da bateria e jogou tudo pro chão… hahahahaha… isso foi épico! (Marcelo) 

O que foi mais difícil que tiveram q enfrentar com a banda?

O mais difícil, em qualquer banda, é mantê-la na questão financeira.É muito que vai e pouco que vem, mas isso é em qualquer uma.(Draco) 

Qual a canção da banda q mais gostam?

Merciless e watery grave. (Murilo) Blackbeard e Watery Grave (Marcelo)

Quais bandas servem de inspiração para a banda e quais mais gostam?

Iron Maiden, Metallica, Rolling Stones, e muitos outros. (Murilo)

Como a família reagiu ao saber q escolheram estar no mundo da música?

Incentivando. (Murilo) Incentivando a fazer o que gosta, mas sempre fui cobrado em ter que dar duro, pois temos que ter outro meio para sustento pessoal e para o sustento da música, o que não é barato neste país.(Marcelo)

O que planejam fazer nos próximos meses?

Gravar. (Murilo) Compor novos sons e manter o entusiasmo de nossas musicas.(Marcelo)

Qual sonho vocês ainda pretendem realizar em relação a banda?

Um sonho quase utopia para mim é viver de música. (murillo) Uma possível turnê internacional, as portas estão se abrindo, acredito que irão aparecer alguns convites ao decorrer dos anos.(Marcelo)

Quais cidades/estados que ainda não foram e gostariam de conhecer?

Eu, particularmente, adoro tocar em Minas Gerais. Mas eu tenho muita vontade de ir pro Nordeste, mostrar nosso som por lá!

O que vocês acham sobre a cena do rock/metal brasileiro?

Está morta faz muito tempo. Aos meus olhos foi morta pelas pessoas que pagam R$500,00 para irem  em um show de banda gringa e não pagam R$15,00 para um festival com muitas bandas do cenário  undergroud.(Murilo) 

Paradoxa e divertida! (Draco)

Acrescentando minha visão ao que o Murilo disse, o cenário principalmente no estado de São Paulo, desvaloriza muito as bandas underground, o que se torna paradoxal, pois existem centenas de bandas no estado, que compoem… Quando tocamos em Minas Gerais, as bandas underground são conhecidas e tem muita importância no cenário local, são valorizadas, ao contrário daqui… que uma banda nacional  é excelente não tem destaque em nenhum canal de comunicação, simplesmente por não ser gringa. Grandes nomes passaram por isso, tiveram que fazer turnês no exterior para provar para a própria pátria que eles possuem muito talento… infelizmente essa é a realidade (Marcelo)

 Vocês acham que a pirataria contribui para o marketing da banda ou atrapalha o desempenho?

Só contribui! O objetivo hoje em dia é divulgar o som, não vender cds. Nós disponibilizamos nosso álbum pra dowload no soundcloud, no 4 shared. E esse é o melhor caminho pra se tornar mais conhecido. Hoje, a cultura do pessoal se tornou em baixar o álbum, um ou outro ainda mantém o hábito de comprar, admiramos isso, mas não tem como condenar os que vão baixar o som. Eles estão conhecendo, gostando, e compartilhando. Não vejo nada mal nisso. ( Draco) 

O download gratuito, é sinônimo de divulgação, é um boca a boca virtual, pois enquanto para divulgar sua música na web para 3000 ou até 1.000.000 de pessoas é muito mais plausível do que você tentar vender este mesmo número de cds físico, isso é quase utópico. (Marcelo)

Um recado para os fãs da banda Barbária:

Agradeço a todos que nos ajudaram nesses anos de jornada, descobrimos pessoas e locais incríveis, estaremos sempre prontos para novas aventuras e desventuras, e contamos sempre com todos vocês. (Marcelo)

borda copy

Para quem ainda não conhece o som dos caras, deixo aqui links para vocês conhecerem, e se caso conhecem e querem convidá-los para ir a sua cidade só entrar em contato! 😉

FACEBOOK: https://www.facebook.com/barbariaofficial

MYSPACE: https://myspace.com/barbaria

YOUTUBE: http://www.youtube.com/user/BarbariaOficial?feature=watch

borda copy

Deixo aqui meu recado a todos, e desejo deste já um ótimo Natal a todos, boas festas!

E QUE ODIN ESTEJA COM VOCÊS! \o/